fbpx

O que é CRO? Um guia breve sobre otimização de conversão

como-usar-search-console

CRO é o acrônimo de Conversion Rate Optimization que significa otimização da taxa de conversão. Essa técnica inclui diversas estratégias para converter visitantes em leads ou clientes, dependendo do estágio do funil e do propósito da ação.

Experimente aprender sobre CRO de maneira prática: aperta o play acima e ouça o artigo!

Investir em tipos de conteúdos online é a forma mais eficaz de expandir uma marca e fazer novas pessoas conhecerem seu negócio.

As técnicas de CRO são utilizadas justamente para diferenciar a experiência dos visitantes de um site, atraindo os visitantes para conversão e fortalecendo o posicionamento da empresa. 

Para mensurar os resultados do trabalho de otimização de conversão existem diversas frentes de análise e indicadores que variam de acordo com os objetivos que estão sendo analisados. 

Mas antes de nos aprofundarmos nas técnicas, é importante entender o que é CRO e como ele pode ser medido. Confira!

O que é CRO?

De maneira simplificada, a conversão acontece quando um usuário realiza exatamente a ação esperada dentro da página onde ele está.

Seguindo essa ideia, as técnicas de CRO são maneiras de atrair os usuários através de ações inovadoras que “acertam” suas dores, fazendo-os converter.

A ação pode ser baixar um ebook, solicitar uma consultoria gratuita ou se inscrever na newsletter da marca

Cada empresa tem sua estratégia digital, portanto, as ações são as mais diversas possíveis. Por isso, o que funciona para uma empresa pode não funcionar para outra.

As ações de CRO devem ser pensadas para o público-alvo do negócio e nas preferências e necessidades identificadas no planejamento estratégico da empresa.

Dessa forma, na hora de analisar os resultados, o caminho é comparar o número de pessoas que cumpriram o objetivo das ações e comparar com a quantidade que não o fez. 

O CRO entra justamente nas brechas onde é possível otimizar para aumentar o número de conversões.

Como funciona a estratégia de CRO

Agora que você sabe o que é CRO, vamos entrar na aplicação prática do conceito. Para o trabalho de otimização funcionar, não existe uma ferramenta específica ou tática.

A otimização pressupõe um trabalho de marketing digital preexistente, pois é a partir dos dados e resultados que a empresa já tem que vão sair as estratégias para melhorar a conversão.

O processo de otimização da taxa de conversão possui três etapas gerais:

  • Primeira etapa: identificação dos problemas que estão dificultando a conversão e que precisam ser resolvidos primeiro;
  • Segunda etapa: criação de planos de ação para resolver os problemas identificados na primeira fase da análise;
  • Terceira etapa: mensuração dos novos resultados para verificar os resultados das técnicas de CRO e fazer os ajustes que forem necessários.

Indicador base para começar o CRO

Um dos indicadores mais importantes para começar uma estratégia de CRO é a taxa de conversão que mostra o desempenho atual das conversões do site, landing pages, newsletter, entre outros canais.

Como calcular a taxa de conversão

A taxa de conversão é calculada dividindo o número total de conversões pelo número total de visitantes do site, por exemplo, ou de uma determinada taxa.

Taxa de conversão = nº total conversões ÷ nº total de visitantes.

Para obter o valor em porcentagem, basta multiplicar o resultado final por 100.

Como destaca o especialista do Smart Insights, Dave Chaffey, alguns fatores como o tipo de página analisada e o setor de negócios influenciam a taxa de conversão.

Por isso, uma taxa de conversão de 100% é uma métrica bastante improvável.

5 táticas de CRO para colocar em prática hoje

Cada mercado tem seu potencial de alcance e a taxa de conversão pode ser otimizada para atingir o público-alvo nas suas necessidades principais. 

O trabalho de CRO começa no levantamento de dados como destacamos acima. Mas como fazer isso? 

Confira cinco formas de começar esse planejamento e saber exatamente onde investir os esforços para otimizar a taxa de conversão.

1. Identifique a origem do seu tráfego

Se você não tem, é imprescindível que o Google Analytics esteja configurado corretamente no seu site. O programa é a principal forma de rastrear a origem do tráfego, entre outros indicadores.

Como são muitos dados disponíveis, comece analisando métricas como taxa de rejeição, tempo de permanência na página e observe as médias, se estão acima ou abaixo.

2. Pense como um usuário 

Para descobrir onde investir seus esforços de CRO, navegue pelo seu site como se fosse um usuário comum interessado nas soluções do seu negócio.

Repare em detalhes como:

  • se a navegação entre as páginas é fluida
  • se é fácil se orientar pelos menus
  • se as páginas tem chamadas para ação (CTA) visíveis e objetivas
  • se cada página tem uma meta bem definida.

Separe a lista em duas partes: uma com os pontos que estão ok e outra com os pontos que podem ser otimizados.

Um exemplo de otimização que pode ser feito é no CTA. Os argumentos que vão levar os usuários para conversão deve ser forte e convincente para chamar a atenção dos usuários.

3. Aplique pesquisa diretas com os usuários

Ninguém melhor que os usuários para dar insights de CRO para sua estratégia de otimização.

Faça pesquisas online por e-mail, via redes sociais, no site e em outros canais relevantes que seu negócio tenha com os usuários. 

Em páginas estratégicas do site ou nas landing pages, coloque uma pergunta curta para descobrir se o usuário sente falta de algo na comunicação.

Com o insight direto do público, as páginas podem ser otimizadas com as palavras-chave certas, com um design atraente para destacar a proposta de conversão. 

4. Faça testes de usabilidade

Ao criar uma página nova ou uma landing page estratégica para divulgar um novo material faça um teste de usabilidade.

Você pode fazer isso online usando ferramentas como o site Usertesting.com para criar configurações teste de páginas com formulários, por exemplo.

Outra ferramenta útil para testar versões diferentes de uma mesma página é o teste A/B que permite avaliar qual modelo/layout é mais atrativo para a conversão. 

5. Use o mapas de calor

O mapa de calor é uma ferramenta que ajuda a identificar os pontos “quentes” da página que indica onde os usuários mais visualizam e também as áreas mais “geladas”.

Com o mapa de calor, é possível identificar os melhores pontos para colocar a chamada para ação, que é um ponto importante das técnicas de CRO.

Algumas ferramentas de mapa de calor boas são: Tableau, Plerdy e CrazyEgg.

Entendeu o que é CRO? 

Agora que você sabe o que é CRO e como reunir dados para montar uma estratégia, defina seu objetivo para o site e comece seu plano de otimização de conversão (CRO).

O SEO é a técnica que otimiza os sites para os mecanismos de busca. Já o CRO vai auxiliar a transformar os visitantes em clientes reais. 

Solicite uma consultoria gratuita de Audio Marketing e descubra como essa metodologia pode ajudar a estratégia digital de CRO da sua empresa a engajar mais seus visitantes e gerar mais leads e vendas.