5 dicas de como passar feedback negativo para sua equipe

Compartilhar:

Um líder tem que planejar ações, coordenar tarefas, mensurar resultados e orientar equipes. Todas essas funções, para que gerem resultados para uma empresa, precisam do engajamento dos colaboradores. Para isso, é necessário dialogar com eles e saber como passar feedback negativo.

Ouça esse conteúdo! Clique no play abaixo!

Ao contrário do retorno positivo, as críticas costumam ser aceitas com mais dificuldade e, por isso, precisam ser transmitidas com cuidado e de maneira empática. Afinal, não se trata apenas de uma repreensão, mas de um mecanismo que pode tirar o melhor das pessoas e evitar que erros aconteçam — ou voltem a acontecer.

Quando oferecidos corretamente, os feedbacks negativos ajudam na formação de profissionais mais preparados para lidar com os desafios diários e superar as mais diversas crises que possam surgir no ambiente de trabalho — um processo bastante necessário para o desenvolvimento de qualquer empresa.

Porém, é preciso estar preparado para ter esse tipo de diálogo com seus colaboradores, um processo que exige muito jogo de cintura, paciência e capacidade de trabalhar em equipe. Neste artigo, vamos dar algumas dicas de como passar feedback negativo. Ficou curioso? Então não deixe de acompanhar os próximos parágrafos!

1. Use um vocabulário positivo

O assunto é delicado e, por isso, não deve ser focado apenas nos pontos negativos. Saiba usar os elogios, já que eles tendem a reforçar bons comportamentos e a motivar as pessoas muito mais do que as repreensões. Dessa forma, as críticas devem ser passadas sempre de forma construtiva.

2. Não exponha o colaborador

O colaborador já está tendo o seu trabalho avaliado e recebendo críticas por suas ações. Fazer isso na frente da equipe é mais do que expor esse funcionário e pode fazê-lo se sentir humilhado também. Além disso, essa ação não trará bons resultados, pois o feedback não será entendido como um retorno construtivo.

3. Mantenha o respeito e a transparência

Parte do que foi citado nos tópicos acima trata do respeito — uma qualidade que é esperada de um líder. Na hora de indicar a um trabalhador o que precisa ser melhorado, faça isso com clareza, empatia e transparência. Mais do que chefe, você é uma referência para seus funcionários e precisa dar o exemplo.

4. Tenha dados de apoio

De nada adianta passar um feedback negativo e não ter dados que possam fundamentar suas observações. Toda crítica precisa de um embasamento — até mesmo para ajudar as pessoas a visualizarem qual ponto deve ser trabalhado Utilize metas, objetivos e métricas de produtividade para exemplificar suas colocações.

5. Explique o que espera no futuro

Além de mostrar onde o colaborador errou ou o que poderia ter feito melhor, também é preciso indicar o que a empresa espera dele no futuro. Para isso, estabeleça novas metas, objetivos e métricas de avaliação. Sem eles, não será possível fazer novas cobranças e estabelecer critérios de avaliação da sua equipe. Lembre-se: o diálogo é sempre importante.

Gostou das nossas dicas de como passar feedback negativo para os colaboradores da sua empresa? Então curta a nossa página no Facebook e tenha acesso a outros conteúdos relevantes.

Deixe uma resposta